Poluição no Rio Homem.
Poluição no Rio Homem.
País Vila Verde

Amares alerta Vila Verde para estado de poluição do Rio Homem

Poluição no Rio Homem leva Manuel Moreira, edil de Amares, a alertar António Vilela, homólogo de Vila Verde, para mau estado daquele importante curso de água.

Vários denúncias estão a preocupar autarcas de ambos os concelhos e que são atravessados pelos rio que tem várias praias fluviais e desagua no Rio Cávado na “Ponte do Bico”.

“Uma vez que o Rio Homem permite a ligação entre a Vila Termal de Caldelas e Vila Verde, vamos procurar sensibilizar a Câmara Municipal de Vila Verde para a situação”, refere Manuel Moreira, que já levou a cabo algumas ações para tentar resolver o mais rápido e eficazmente possível este problema.

“Foi analisada toda a parte do lado de Amares por uma equipa da GNR que subiu o rio de barco para averiguar se havia alguma descarga de fluentes e os dados que tenho levam-me a afirmar que não tem nada a ver com Amares”, diz, frisando que “não encontrámos nenhum tubo a descarregar resíduos e, além disso, constatámos que a etar de Caldelas, que é a mais próxima da zona afetada, está a funcionar normalmente”.

O presidente da Câmara acrescentando que “é necessário identificar o mais rápido possível a origem desta poluição sob pena de colocar em risco o meio ambiente e, consequentemente, a saúde pública”.

Manuel Moreira adiantou, ainda, que o Município de Amares está a procurar resolver, simultaneamente, o problema do rio Cávado no que diz respeito à ETAR da Ombra, em Ferreiros, que está com “capacidade esgotada”.

“Estamos a negociar com as Águas do Norte e quero durante este mês de julho levar o contrato a reunião de Câmara, no sentido de ligar esta ETAR à estação que se encontra em Cabanelas. É uma urgência ligar o nosso saneamento, sobretudo, na vertente do Cávado a essa ETAR”, frisa.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade