Captura de ecrã 2015-09-30, às 13.52.04
Vila Verde

Rede de Desenvolvimento Desportivo Local chega a Vila Verde pela mão da JSD

“Esta foi a primeira vez que a moção de uma juventude partidária é aprovada pro unanimidade”, recorda Filipe Lopes, Deputado Municipal do Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata e Presidente da Mesa do Plenário da Juventude Social-Democrata (JSD) de Vila Verde, que viu a Assembleia Municipal dar sim à Rede de Desenvolvimento Desportivo Local (RDDL). Uma rede, e que face aos continuados investimento desportivos, recreativos e de lazer da Câmara de Vila Verde já  justifica existência.

“É um instrumento de suporte do Programa Regional de Ação Desportiva (PRAD), alicerçado fundamentalmente na identificação, estímulo e rentabilização das diferentes sinergias, recursos (humanos, materiais e naturais) bem como os equipamentos desportivos”, explica Filipe Lopes, destacando que a RDDL pode assumir vária dinâmicas.

“Transversais à estrutura social e comunitária envolvente, que poderão assumir a dimensão de uma escola, uma rua, um bairro, uma freguesia, um concelho ou um território intermunicipal”, frisa o jota Filipe Lopes.

A missão da RDDL é de implementar um sistema de organização/coordenação local em rede, dinamizado por uma entidade a constituir/designar entre os respetivos parceiros promotores, com vários objetivos estratégicos.

“Desenvolver dinâmicas de implementação de projetos, programas e ações transversais destinados a promover a participação desportiva da população em geral, e da juvenil em particular, na perspetiva da proximidade e de dinamizar sinergias dos múltiplos fatores de suporte à sua concretização”, está entre os objetivos segundo Filipe Lopes, assim como “potenciar a interceção das áreas do desporto e da juventude, envolvendo o associativismo em geral e o jovem em particular”.

Estimular o aparecimento de uma nova geração de associações juvenis vocacionadas para o desenvolvimento do desporto também está nos objetivos da RDDL. Por tal ficou apontado em Assembleia Municipal para execução para câmara a “criação de uma plataforma digital, onde sejam disponibilizadas todas as informações no âmbito das atividades e instalações que a rede possui”, assim como “rentabilização de forma articulada de todos os recursos inerentes à organização das atividades, disponibilizadas pelos diversos parceiros de enquadramento e suporte ao desenvolvimento das diversas ações e projetos” e “realização e dinamização de eventos desportivos diversificados”.

Na RDDL também está previsto a promoção e interação conjunta de estruturas/organizações destinadas a diversas áreas/universos (associativa, federada, escolar, comunitária), concorrendo de forma transversal e coordenada para a sua progressiva adesão e generalização sistematizada à prática de atividades desportivas.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade