DSC06890
Amares

Cerca de 50% das famílias amarenses vão beneficiar com a redução de Taxas de IMI

(Redação) Depois de ter proposto fixar as taxas de IMI nos valores mínimos, o Município de Amares avança com mais uma medida de apoio financeiro direto às famílias através da minoração da Taxa de Imposto sobre Imóveis: de 5% quando o número de dependentes que compõe o agregado familiar for igual a dois elementos e 10% quando o número de dependentes for igual ou superior a três. Esta medida vai abranger cerca de 850 agregados.

Apesar de representar uma diminuição da receita municipal, o presidente da Autarquia, Manuel Moreira, reforça a importância desta medida que vai de encontro ao objetivo de fixar pessoas no concelho, criando condições favoráveis à qualidade de vida das famílias. “Esta proposta reflete a preocupação com o bem-estar das pessoas num concelho que pretende reunir condições de excelência para viver”, explica.

O IMI – Imposto Municipal sobre Imóveis, substituiu a Contribuição Autárquica e entrou em vigor em 01.12.2003, com a publicação do Decreto-Lei n.º 287/2003, de 12 de Novembro, sendo um imposto que incide sobre o valor patrimonial tributário dos prédios (rústicos, urbanos ou mistos) situados no território português, constituindo receita dos municípios onde os mesmos se localizam.

Esta proposta do presidente do Município teve a aprovação unânime em sede de Órgão Executivo assim como na Assembleia Municipal do passado dia 25 de setembro.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade