material de escritório
País

Autoridade da Concorrência acusa 5 empresas de material para escritório por suspeita de cartel

A Autoridade da Concorrência (AdC) anunciou hoje que acusou cinco empresas de consumíveis para escritório por suspeita de cartel na fixação de preços e repartição de mercados.

A AdC deu hoje conta em comunicado de que adotou as notas de ilicitude às cinco empresas produtoras e distribuidoras de material de escritório no final de setembro, sem referir os nomes.

Essas empresas são suspeitas de terem atuado de forma concertada durante 14 anos e têm agora um prazo para se defenderem do que são acusadas.

Em causa está uma investigação que a AdC está a levar a cabo, e que ainda está em segredo de justiça, relacionada com as buscas e apreensões realizadas em instalações de diversas empresas da Grande Lisboa e do Porto em fevereiro deste ano.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade