12096072_952391874822338_2020752686535363848_n
Vila Verde

Jotas de Moure, Prado e Cervães ao lado de Mara Alves

Chama-se Mara Alves e é candidata à Juventude Social Democrata (JSD) de Vila Verde. Esta jovem de Moure, que ingressou no partido em 2003, entra na corrida à liderança da JSD, isto depois do “delfim” de António Vilela, Carlos Tiago ter assumido também ser candidato.

Mara Alves, e assumido pela própria, parece ter o apoio de vários núcleos sociais democratas do concelho. Se Moure, de onde é natural, é um apoio óbvio, as maiores jotas laranjas do concelho, caso de Cervães, coloca-se ao lado da jovem “Envangelium” que canta nos espetáculos rock do Padre Sandro.

Como agenda política, Mara Alves coloca, e como não podia deixar de ser, as preocupações do jovens assumindo a necessidade de “novas políticas”.

“É inegável que estamos definitivamente numa época de mudança, mudança de mentalidades, e acima de tudo mudança na vontade de agir e construir projetos de cidadania. Novas políticas focadas nos jovens necessitam de ser definidas, discutidas e implementadas, políticas com identidade, sustentabilidade, com objetivos positivos e concretos. Mas acima de tudo, políticas abertas que envolvam os jovens na sua região”, frisa Mara Alves.

A jovem de Moure diz-se “pronta” para o desafio e puxa do currículo no seio da JSD como argumento neste sufrágio.

“A convite do atual presidente da JSD Distrital de Braga, Miguel Peixoto, ingressei na comissão política concelhia, onde tive o contato e aprendi a irreverência, a dinâmica, a ética, a garra, a pro-atividade, a luta e a conquista dos verdadeiros valores da social democracia. Recentemente, na atual comissão politica liderada por Carlos Correia, tive a oportunidade de consolidar todo o meu percurso, participando ativamente em vários projetos”, destaca Mara Alves, que assume quer “dar continuidade ao trabalho da JSD de Vila Verde”.

A jovem candidata recorda alguns momentos do percurso político e não tem dúvida em destacar um momento histórico da JSD de Vila Verde. “Quando conseguimos pela primeira vez aprovar em assembleia municipal uma moção com o título Rede de Desenvolvimento Desportivo Local, e é algo que nos orgulha e enaltece a qualidade do trabalho que tem sido desenvolvido”, diz, desafiando assim “todos os jovens social democratas a acompanhar, a construir valor, e a encararem o desafio na construção de um projeto ativo e consistente para a juventude”.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade