miguel peixoto
Destaque Região Vila Verde

“Nada melhor que ter uma JSD renovada para fazer face ao combate das autárquicas”

Miguel Peixoto, líder demissionário da JSD distrital de Braga, explicou os motivos que levaram à sua demissão, e à antecipação das eleições para aquele órgão político, que se realizam no próximo dia 15 de julho, em Esposende.

O social-democrata esclarece que não se tratou de uma demissão propriamente dita, e preferiu apelidar esta movimentação como uma “antecipação de mandato”, justificando o abandono com a “renovação da estrutura juvenil”, considerando ainda que já é uma “tradição” durante as distritais, que os jovens recebem a “oportunidade de refazer estratégias e decisões para o futuro”.

“Entendi que a estrutura não ganharia com o findar do meu mandato, e que seria mais proveitoso que se resolvesse rapidamente a questão das eleições para nos prepararmos para o importante combate que se realiza no próximo ano”, explicou Peixoto. “Considerando que não me poderia recandidatar, por limitações de mandato, entendi que o meu ciclo terminou no último congresso nacional da JSD”, finalizou.

Quanto ao futuro, Miguel Peixoto não deixa de olhar para trás, mostrando-se orgulhoso com o percurso de 12 anos em que não cultivou nenhuma zanga com os restantes dirigentes, ao contrário do que foi especulado. “É falso o que se especula, não tenho inimizades com ninguém, e todos os dirigentes têm uma amizade comigo”, explica, acrescentando que está “sempre disponível para trabalhar no combate das convicções, quer na JSD, quer no próprio partido.

(Notícia completa na edição do V, esta quarta-feira 13 de julho)

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade