capa agenda3ºtrimestre2016 (1)
Cultura Destaque Entertainment Fashion Lifestyle Vila Verde

Agenda cultural de Vila Verde destaca “Rota das Colheitas”, Romarias e Bienal

Já disponível a nova Edição da Agenda Cultural de Vila Verde. Promover as atividades culturais, educativas, desportivas, musicais e recreativas dinamizadas por todo o concelho é um dos objetivos da publicação.

O Município de Vila Verde já lançou a edição nº 47 da Agenda Cultural de Vila Verde (julho, agosto e setembro). Esta é uma publicação que dá especial destaque às várias atividades culturais, educativas, desportivas, musicais e recreativas promovidas um pouco por todo o concelho.

Nesta edição, a rúbrica “O Lugar da História”, dá especial destaque à “antiga” freguesia de Covas localiza-se a Norte da sede concelhia, da qual dista 16 km. É delimitada a Norte pelo concelho de Ponte da Barca, a Este por Aboim da Nóbrega, a Sul por Barros, Atães e Penascais e a Oeste por Valões

Como é habitual, o Presidente da Câmara  de Vila Verde, António Vilela, faz a abertura da edição, onde refere a importância desta Agenda Cultural como meio de promover o concelho de Vila Verde e os seus eventos.

Na mensagem de abertura o autarca faz alusão à oferta dos novos espaços de lazer destacando o verão.

“É a época do ano mais propícia para o convívio e para as atividades ao ar livre. Além das nossas convidativas praias fluviais, dos trilhos pedestres, das incursões pelos nossos rios, pelas zonas de montanha, pelos parques e os jardins, bem como pelo património histórico e cultural, pode a partir de agora contar também com dois novos equipamentos de lazer e recreio: as Piscinas ao Ar Livre de Ribeira do Neiva e de Vila Verde”, escreve.
O autarca dá importância às principais atividades em agenda para os próximos meses que se pintam de etnografia.

“Este período é também particularmente rico nas Festas e Romarias que marcam de forma efusiva as nossas comunidades. As tradições religiosas, o folclore, a etnografia, o fogo-de-artifício, os espetáculos, são alguns dos ingredientes que caraterizam estas manifestações populares genuínas que resistiram ao passar do tempo, tornando-se cada vez mais apreciadas”, destaca.

 

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade