FullSizeRender
Cultura Destaque País Região

Reclusos de estabelecimentos prisionais do país decoram loja rural em Ponte de Lima

Mesas, cadeiras e candeeiros são alguns dos objetos criados por reclusos de três estabelecimentos prisionais do país que decoram a Loja Rural – Casa Terra que reabriu, em Ponte de Lima, para promover os produtos endógenos do concelho.
“Todo o mobiliário foi feito por reclusos dos estabelecimentos prisionais de Viana do Castelo, o de Custoias, em Matosinhos e o de Paços de Ferreira. Até me arrepio ao ver o resultado final de uma ideia que me foi sugerida pela ‘designer’ Madalena Martins que trabalha comigo”, afirmou hoje à Lusa o concessionário do espaço, António Paulino.
O equipamento municipal, que resultou da recuperação da antiga Cadeia das Mulheres está situado em pleno centro histórico daquela vila do Alto Minho e foi concessionado, através de concurso público, por um período de 10 anos, aquele empresário do setor agroalimentar.
“Esta aposta é uma grande responsabilidade. É um espaço que não vai promover não só os produtos da minha empresa mas o todo, Ponte de Lima. A cultura, gastronomia, usos e costumes e o mundo rural”, sublinhou.
Adiantou ter em carteira “inúmeros contactos para visitas de empresas de turismo, da grande distribuição, importadores e exportadores”.
“O plano é mostrar o que de melhor se faz em Ponte de Lima e este é o espaço ideia. É polivalente. Tanto dá para fazermos sessões de ‘showcooking’ a todo o tipo de iniciativas culturais”, especificou.
Na inauguração do espaço, que esteve fechado durante cerca de seis meses devido à conclusão da anterior concessão, o secretário de Estado do Desenvolvimento e Coesão, Nelson de Souza adiantou que “em setembro” deverão abrir as primeiras candidaturas a linhas de apoio previstas no programa Portugal 2020 para a valorização dos produtos endógenos de cada território.
(Nótícia completa na edição impressa do Semanário V, do dia 27 de julho)
Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade