feminino
Braga Desporto Destaque Vila Verde

Comissão de Futebol Feminino pede formação obrigatória para os clubes do principal escalão

A Comissão de Futebol Feminino, recentemente criada pelo SJPF, analisou diversos temas da actualidade, nomeadamente os direitos e garantias das jogadoras bem como a promoção e crescimento da modalidade em Portugal, numa reunião realizada na sede do Sindicato, em Lisboa.

Os membros da Comissão concordaram que o investimento no futebol feminino deve ser sustentado pela obrigatoriedade de desenvolver a formação de jogadoras, defendendo que todos os clubes do principal escalão devem ter formação e a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) deverá desenvolver uma política de incentivos para a criação destas estruturas formativas, à semelhança do que ocorre para outras modalidades.

A Comissão, constituída por Joaquim Evangelista, José Carlos, Carla Couto, João Oliveira, Anabela Mendes, Sofia Teles e Maria João Xavier, fez um balanço positivo da nova Liga de Elite de Futebol Feminino, reconhecendo que a competição tem contribuído para a promoção e desenvolvimento da modalidade.

Os custos associados à emissão do certificado internacional, a relação entre a jogadora, a escola e o mercado de trabalho e a criação de um standard mínimo de protecção para a jogadora de futebol foram outros assuntos abordados.

Foi ainda aprovado um voto de aclamação pelo apuramento da Selecção Nacional Feminina para o Europeu 2017 e pela qualificação das selecções sub-17 e sub-19 para a Ronda de Elite.

Recorde-se que a Comissão de Futebol Feminino é um grupo de trabalho que visa identificar e apresentar soluções para os problemas das jogadoras.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade