Destaque Vila Verde

Bombeiros. Carros mal estacionados bloquearam meios de socorro do quartel

“Isto é lamentável”, ouviu-se por entre bombeiros do corpo ativo da corporação vila-verdense, que viram esta noite de quinta-feira a falta de civismo “vir ao de cima” mesmo “nas barbas” da saída de emergência.

Com uma assembleia de sócios dos Bombeiros Voluntários de Vila Verde marcada para o salão nobre do quartel, alguns desses associados decidiram estacionar na frente dos portões de saída dos meios de socorro em caso de emergência.

“Se houver um incêndio numa residência alguns dos veículos não conseguem sair”, referiu um dos bombeiros de piquete.

A situação levou mesmo o adjunto de comando, Luís Morais, a pedir intervenção junto da assembleia. Situação que levou Álvaro Santos a ler as matrículas dos carros para que os proprietários tivessem a “amabilidade” de dar prioridade à emergência.

O insólito episódio, classificado por alguns como “falta de civismo primário” foi amplamente criticado, levando mesmo alguns afirmar: “É tanta a febre de ver sangue nos bombeiros que se esquecem do essencial”.

Print Friendly

Comentários

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade