cantina
Destaque Vila Verde

Vila Verde. Aulas decorrem com “normalidade” em dia de greve na cantina

Estão a funcionar em pleno as cantinas escolares das diferentes escolas e agrupamentos escolares de Vila Verde, apesar da greve dos funcionários de cantinas e refeitórios escolares marcada para esta segunda-feira (15), e que causou preocupação no presidente da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos de Escolas Públicas (ANDAEP), Filinto Lima.

Fonte da direção da Escola Secundária de Vila Verde (ESVV), que tem cantina privatizada, adiantou ao Semanário V que “está tudo a funcionar em pleno e não há registo de qualquer funcionário em greve”.

Filinto Lima, presidente da ANDAEP, disse à imprensa recear que “muitas escolas” encerrassem neste dia.

“Atualmente nas escolas públicas portuguesas”, em todos os ciclos, “grande parte das cantinas são concessionadas a empresas privadas”, adiantou Filinto Lima. Assim sendo, se a greve se confirmar, “as escolas ficarão sem o serviço de alimentação das cantinas, que são o local essencial dos alunos, onde almoçam”, e muitas terão que fechar, algo que não aconteceu em Vila Verde.

Alberto Rodrigues, diretor do Agrupamento de Escolas de Vila Verde, adiantou ao V que “todas as escolas estão a funcionar em pleno e não há registo de funcionários das cantinas em greve”. “Tanto a Monsenhor Elísio Araújo como a Básica de Vila Verde estão a trabalhar com normalidade, assim como as restantes escolas com ensino primário pertencentes ao agrupamento”, disse ainda o diretor.

Já o Agrupamento de Escolas de Moure e Ribeira do Neiva também está a funcionar em pleno. “A direção inteirou-se logo da situação mal chegou à escola hoje de manhã”, adiantou fonte da direção ao V. “Não há qualquer registo de greve, a cantina está a trabalhar a 100 por cento e as aulas decorrem com normalidade”, finalizou a mesma fonte.

Os trabalhadores em greve vão concentrar-se junto aos escritórios do grupo Trivalor, na Maia, no Porto, e em Lisboa, junto à Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP).

Print Friendly

Comentários

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade