cervaes leiroinha parque
Cultura Destaque Lifestyle Vila Verde

Turismo. António Vilela quer criar “Rota dos Miradouros” e “Patrimónios Naturais”

Ligar vários miradouros do concelho de Vila Verde através de uma rota com cariz religioso e natural é um dos objetivos de António Vilela, atual presidente  da Câmara de Vila Verde e candidato do PSD nas autárquicas de 1 de outubro.

Em declarações ao V, o edil explica que “é preciso valorizar o património natural, religioso e histórico”.

“O município quer avançar com a criação da Rota dos Miradouros e Rota do Património Natural, espaços de observação da paisagem e desfrute do ambiente e património natural e histórico edificado em zonas altas do concelho”, indica António Vilela.

Ao que foi possível apurar pelo V, as rotas pensadas vão ligar o São Frutuoso de Sande ao Bom Despacho em Cervães, passando por locais como  a Senhora da Conceição em Oriz Santa Marinha,  Santa Ana de Passô, Mixões da Serra em Valdreu, assim como ligações aos Santuário do Alívio em Soutelo e São Miguel-o-Anjo de Prado São Miguel.

Para António Vilela a designada “Rota dos Roteiros” ajudar a “consolidar estes destinos, gerar oportunidades e riqueza e, por inerência, a fixar a população”.

Ecovias e PNPG a puxar pelos territórios

Para além da Rota dos Miradouros, António Vilela destaca ainda, como factor de desenvolvimento turístico, a construção da Ecovia do Cávado-Homem, uma ligação entre o litoral e o interior do Vale do Homem, pelos rios Cávado e Homem, entre Esposende, Barcelos, Braga, Vila Verde, Amares e Terras de Bouro.

“Daremos projeção à zona norte. A biodiversidade existente por terras minhotas, mais concretamente o PNPG, é também um factor de enorme importância para o desenvolvimento da região, pois possui todo um potencial localizado, capaz de satisfazer as exigências e experiências que o turismo comporta”, diz.

 

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade