Destaque Vila Verde

Autárquicas. José Morais apresenta projeto para ligar Lima ao Homem e que custará oito milhões de euros

O candidato do PS à Câmara de Vila Verde que ligar a região do Lima ao Homem, num projeto inter-municipal para Vila Verde que ascende aos oito milhões de euros. José Morais garante que esta é “uma das formas de desenvolver o território norte do concelho de Vila Verde”.

Em conferência de imprensa na Adere-Minho, freguesia de Soutelo, José Morais referiu que a via – no fundo são duas – liga os vales do Vade ao Homem e da Ribeira do Neiva ao Vade.

Tendo como justificação a falta de estradas que facilitem a circulação de pessoas, bens e mercadorias, a ideia passa, e segundo o candidato socialista, pela recuperação de muitas das vias municipais, restruturando-as e dotando-as de qualidade e segurança.

“Ao desenvolvermos este projeto, optámos por definir um traçado que procurasse integrar a maior quantidade de vias existentes que servem diretamente as populações das freguesias atravessadas, promovendo-se, desta forma, a tão desejada requalificação de grande parte da rede viária nas freguesias de Barros, Gomide, Oriz S. Marinha (Estrumil) e Passô”, começou por referir José Morais, apresentando ainda uma outra via, esta toda nova.

“Finalmente, procurou-se respeitar o espírito de um projeto como via de interligação dos concelhos de Ponte de Lima, Vila Verde e Terras de Bouro, através da construção de um troço novo entre as freguesias de Codeceda e de Boalhosa, respetivamente dos concelhos de Vila Verde e Ponte de Lima. Este troço assegurará, ainda, a fixação da população no planalto do Ribeira do Neiva, sobretudo nos lugares de S. Mamede, Porrinhoso, Bustelo, Sobradelo e Codeçal e permitirá desenvolver o potencial turístico daquela zona”, destacou o candidato.

José Morais voltou a relembrar a importância da EN 101, onde quer ver a via alargada.

“Iremos ainda pugnar, junto da administração central, pelo alargamento da EN 101, na ligação à Ponte da Barca, no sentido de criar uma faixa para lentos, com vista ao descongestionamento da circulação automóvel naquela via, com ligação ao IC28”, recordou.

(Notícia completa na edição impressa do V, 21 de junho)

Print Friendly

Comentários

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade