Campus de Azurém, Guimarães UMinho
Braga Destaque

UMinho. Inaugura primeiro laboratório de segurança para estudantes

A Universidade do Minho inaugura na próxima segunda-feira, dia 11, o primeiro laboratório português dedicado à segurança da informação em smart cities, suportado por uma parceria universidade/empresa e orientado para estudantes. No chamado “LabSecIoT” é possível conceber, simular e testar livremente eventuais soluções que potenciem o bem-estar das populações urbanas e a sustentabilidade das cidades. Este projeto é apresentado às 15h00 no Departamento de Sistemas de Informação (DSI), no campus de Azurém, em Guimarães.

O programa inicia com o discurso de um representante da equipa reitoral. Segue-se a intervenção de Álvaro Matos, diretor técnico da DigitalSign, especializada em segurança eletrónica e principal parceira do projeto. Há ainda intervenções de Henrique Santos, professor da UMinho e coordenador do laboratório, Vítor Pereira, representante em Portugal do Smart City Business Institute, além de Ricardo Santos, João Barros, Luís Ferreira, Diogo Saraiva e Jorge Bastos, alunos que fazem parte da equipa do LabSecIoT. Os interessados poderão visitar a nova estrutura, localizada no DSI, e conhecer vários projetos já em desenvolvimento.

Este espaço de inovação funciona a um “ritmo bastante acelerado” e foi concebido por e para finalistas de mestrado e doutoramento, respondendo às necessidades desta área de estudo em pleno crescimento. “Neste tipo de ambiente, o surgimento de novas ideias é um processo bastante dinâmico que não se coaduna com os ciclos longos dos projetos baseados em financiamento estruturado. Aqui, os estudantes podem testar livremente as suas próprias ideias para cidades inteligentes, integrando, sempre que adequado, as plataformas de assinatura e certificação digital da DigitalSign”, explica Henrique Santos.

Da atividade desenvolvida espera-se contribuir para a exploração de ideias de negócio inovadoras, sempre alicerçadas nos requisitos de segurança da informação e privacidade impostos pela Sociedade da Informação atual. O LabSecIoT resulta de uma iniciativa conjunta entre a UMinho e a DigitalSign, no âmbito de um acordo de cooperação estabelecido em 2016, sob o mote “Serviços Eletrónicos de Confiança”.

Cidades cada vez mais tecnológicas

A evolução do urbanismo tem levado os cidadãos a viver, cada vez mais, integrados no espaço das cidades, direta ou indiretamente, suportados no desenvolvimento das Tecnologias de Informação e Comunicação. Este fenómeno deu origem ao conceito smart city, um espaço urbano que recorre às novas tecnologias para melhorar a qualidade de vida e de trabalho das pessoas, incluindo os aspetos de mobilidade, sociabilidade, saúde e segurança da informação, sem nunca descurar a sustentabilidade, contextualiza o docente da Escola de Engenharia da UMinho.

Print Friendly

Comentários

Tags

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade