11655280_10207223192242854_295175112_n[1]
Vila Verde

VILA VERDE: Afinal o largo de São Sebastião é da Câmara de Vila Verde (COM ÁUDIO)

E a montanha pariu um rato. O Largo de São Sebastião, mesmo no centro da Vila de Prado, é desde 1981 da Câmara de Vila Verde. Situação que levou à “queda” da desafetação de domínio público que ontem, em Assembleia Municipal, ia ser votada para conferir à autarquia posse do terreno para o concessionar, por 50 anos, à junta de Prado.

A descoberta das escrituras, e foram três, foi uma machadada na guerrilha política instalada em torno da matéria. De um lado os socialistas Luís Filipe Silva e Manuela Machado, este último uma pradense, que não concordavam com a desafetação total do terreno. Do outro lado, câmara, junta de Prado, e o vereador socialista José Morais, eram favoráveis à proposta.

Mas as “sagradas” escrituras deitaram por terra guerrilhas nas redes sociais e a petição que entretanto se ergueu. “Qual era a dúvida? É personalizar a política? É perseguir pessoas?”, disse ontem Paulo Gomes, autarca da Vila de Prado, que viu Carlos Mendes, da concelhia do PS de Vila Verde, criticar a postura da junta de Prado quando se colocou ao lado da Câmara de Vila Verde.

Intervenção de Paulo Gomes – Presidente da Junta de Freguesia de Prado:

As redes sociais inflamaram, mas as escrituras deixam agora autonomia suficiente para a câmara ceda por 50 anos à junta de Prado o espaço. “Aos pradenses o que é de Prado. Defendemos no programa político, juntamente com o PS, maior autonomia para as juntas e esta situação vai desenvolver a economia local. O que hoje discutimos reflete essa coerência. Isto não é um cheque em branco”, disse Paulo Gomes, que enalteceu o papel do edil social democrata António Vilela na defesa da matéria em prol da Vila de Prado.

Por entre alegadas calunias e mentiras, Miguel Peixoto, da JSD, teve a necessidade de vir a praça pública defender a honra dizendo que “é completamente falso que tenha subscrito a petição online” e acrescentou “favorável” que os nove mil metros quadrados passem para a junta de Prado.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade