Destaque Vila Verde

Cabanelas. Um ano depois, mais de 500 árvores “iluminam” o Jardim de Bonsais

Cabanelas ostenta um dos últimos refúgios sagrados da cultura nipónica, o Dragaosai Garden, que voltou a abrir portas ao público nos dias 2 e 3 de setembro, um ano depois da última vez, que foi também a primeira.

Misturado por entre a mística das árvores em miniatura, da decoração nipónica, do largo dos samurais à novidade dos workshops de bonsai e ainda a vontade de se iniciar uma escola de artes marciais continuam a popular a mente de Carlos Brandão, mestre bonsai residente em Braga, mas que escolheu Cabanelas para ser o local ideal para o seu refúgio espiritual.

“O local é perfeito, tenho a exposição solar adequada para as plantas e consegui restaurar a casa com o estilo pretendido para este tipo de local”, diz o mestre criador que ganhou lugar cativo num programa televisivo, e onde é a principal atração.

“Estou no Programa da Maria, no Porto Canal. Começou como uma experiência para mostrar a arte bonsai mas as audiências foram subindo na altura em que era a minha demonstração e acabaram por me convidar para fazer aquilo de forma fixa”, conta Carlos, que pertence também à direção do Clube Bonsai do Porto.

(Saiba mais sobre o Jardim de Bonsais na edição impressa n.º86 do Semanário V, já nas bancas)

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade