Trabalho e Seriedade1
Vila Verde

Autárquicas. PS apresentou Joaquim Faria em Prado São Miguel

“Faria vai em frente, tens aqui a tua gente!”, foram estas as palavras de ordem da festa de apresentação da equipa que acompanha Joaquim Faria, na lista do Partido Socialista candidata à Assembleia da Freguesia de Prado S. Miguel.  A sessão, que decorreu no edifício anexo ao Campo de Futebol, começou por um breve diagnóstico às carências da freguesia e às necessidades da população.

Segundo o PS em comunicado, “foi unânime a ideia de que Prado S. Miguel está parado há imensos anos e que só nestes últimos meses voltaram as máquinas à Freguesia”.

“Estamos numa freguesia relativamente central e, ao mesmo tempo, tão esquecida. Prova disso são as fracas vias de acesso, a inexistência da rede de saneamento ou os problemas com o abastecimento público de água”, disse José Morais.

No entender do candidato do PS a presidente da Câmara Municipal, Prado S. Miguel é uma Freguesia com muitos recursos, “principalmente muitos e bons recursos humanos”. “Basta ver a equipa que acompanha o Joaquim Faria. É uma equipa que faz jus ao nosso lema e em que toda a população reconhece capacidade de trabalho e seriedade”, sustentou José Morais, agradecendo a “forma carinhosa e extremamente afável” como é recebido sempre que chega a Prado S. Miguel. Em contra-partida, José Morais comprometeu-se a fazer “mais e melhor” pela Freguesia e a “trabalhar todos os dias, com empenho e seriedade, pela melhoria da qualidade de vida de todos”. A estrada nova é um exemplo daquilo que encara como urgente para Prado S. Miguel. “Queremos assumir compromissos com os privados e terminar esta obra há muito desejada. Trabalhar seriamente para levar a rede de água e saneamento a todas as casas será outra das nossas prioridades e o grande compromisso assumido com todos os pradenses”, acrescentou.

Na área social, focou o discurso nas medidas já anunciadas de apoio às famílias, nomeadamente a jovens e idosos. O candidato a presidente da Câmara Municipal de Vila Verde sublinhou “a importância dos compromissos assumidos” e de “honrar a palavra dada” em especial no que toca à comparticipação de medicamentos e o apoio aos jovens que queiram criar o seu próprio emprego. José Morais assumiu ainda querer “reverter os negócios ruinosos realizados pelo atual executivo e que não servem minimamente o interesse e as necessidades das pessoas, como podemos ver com a recolha do lixo feita nos últimos anos”.

Joaquim Faria explicou, por sua vez, que aceitou o desafio de se candidatar a presidente por entender que “Prado S. Miguel merece e deve ambicionar mais e melhor”. “Não sou pessoa de parar diante dos problemas. Os problemas e carências são para resolver e colmatar. Felizmente, neste momento tenho a hipótese de me dedicar à Freguesia e a todos os pradenses e procurarei, diariamente, trabalhar arduamente e com seriedade, para dotar a Freguesia das condições necessárias para proporcionar a todos uma melhor qualidade de vida”, concluiu.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade