Paulo Gomes
Destaque Vila Verde

Autárquicas. Vila de Prado “aquece” e Paulo Gomes (IND) “malha” em Manelito (PS)

Paulo Gomes, presidente da Junta da Vila de Prado e candidato independente a estas autárquicas acusa “Manelito”, atual número dois do executivo pradense e candidato socialista, de querer fazer um “assalto ao poder” e de não se ter demitido depois de se ter “auto-proposto” como candidato em vez do próprio Paulo Gomes.

Em comunicado enviado à imprensa, o autarca pradense mostra-se indignado com as declarações de Manuel Rodrigues  durante a apresentação da candidatura liderada pelo mesmo, no passado sábado.

Paulo Gomes não acha justo que os créditos de trabalho da junta sejam dados a “Manelito”, como deu a entender o candidato do PS à Câmara de Vila Verde, José Morais, ao questionar os presentes sobre quem é que habitualmente ouve os anseios da população.

O atual presidente de junta diz que teve de meter mãos à obra “sozinho” por várias vezes durante o último ano, acusando Manuel Rodrigues de se ter ausentado e tentar “atropelar” as diversas atividades da junta, como “a Feira dos Vinte, a mudança do local da feira semanal ou as festas da vila”.

“Certamente que a população da Vila de Prado não quererá ter no comando da Junta de Freguesia alguém que concordou e apoiou determinadas propostas apresentadas à Assembleia de Freguesia da Vila de Prado, como as taxas de cemitério, valor do espaço de ocupação da feira semanal e outras, mas que agora refuta responsabilidades, dizendo que não estava de acordo”, diz Paulo Gomes acusando ainda “Manelito” de se ter “servido da junta”.

“Se agora diz que chegou a hora de fazer iderente só demonstra que neste mandato andou a servir-se da junta ao não colaborar com a restante equipa”, aponta Paulo Gomes.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade