22068611_1661668470544631_460967421_o
Vila Verde

Autárquicas. Nuno Guerra (CDU) quer ser “defesa dos direitos” dos funcionários municipais

A candidatura da CDU (Coligação Democrática Unitária) PCP-PEV a Vila Verde, esteve esta manhã no Parque Industrial de Geme em contacto com os trabalhadores do município, dando a conhecer os seus compromissos eleitorais e reafirmando, que “os trabalhadores podem contar com a CDU na defesa dos seus direitos”.

“Um compromisso que não é vão, e tem provas dadas, como no exemplo em que nas 34 autarquias em que a CDU tem a presidência, todas terem as 35 horas sem adaptabilidades nem bancos de horas, com acordos assinados em que não há venda de direitos, mas sim, um avanço nestes. Este é um princípio que também em Vila Verde norteará a candidatura local”, avança Nuno Guerra, candidato à Câmara de Vila Verde pelos comunistas.

Ainda esta manhã, os candidatos dirigiram-se à Feira de Prado, onde contactaram com comerciantes e populares, e puderam apresentar algumas das suas propostas e ouvir algumas queixas, nomeadamente sobre a situação das Lagoas dos Carvalhinhos.

Nuno Guerra diz que essa é uma “preocupação já há muito colocada pelo PCP e pela CDU, que urge resolver” e fala ainda no entendimento da população para com outras propostas dos comunistas.

O candidato fala mesmo em “uma boa aceitação por parte dos vila-verdenses, que não só entendem como se revêm nas propostas seja da requalificação das margens dos Rios Homem e Cávado, da reversão para a Câmara da responsabilidade da recolha dos resíduos sólidos, como da necessidade da construção da variante à ER-205 com acesso à Zona Industrial de Oleiros, da construção do seguimento da variante da E.N. 101 com ligação aos parques industrial de Soutelo e de Gême, entre outras”.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade