Faria 3
Destaque Vila Verde

Política. “Declaração de renúncia” na tomada de posse de José Faria

João Soares (PS), elemento eleito para a Assembleia de Freguesia da Junta de Vila Verde e Barbudo renunciou ontem ao cargo, durante a assembleia de freguesia para tomada de posse dos novos órgãos autárquicas, eleitos no passado dia 1 de outubro.  A declaração de renúncia ficou lavrada em ata acompanhada de documentos que explicam os motivos da renúncia.

João Soares terá evocado valores éticos e apresentou uma declaração de renúncia onde aponta o dedo ao presidente da Junta reeleito, José Faria (PSD). “Para estar a frente de um cargo de executivo público são necessários valores éticos e quem está à frente deve ter cadastro limpo e uma atitude exemplar”, disse João Soares, momentos antes da assinatura de tomada de posse, que, para o elemento do PS, não chegou a acontecer. “Defendo que a conduta deva ser exemplar para que um eleito em cargo público possa estar de consciência tranquila na execução dos seus deveres”, acrescenta João Soares.

Ao que o V apurou, os motivos desta renúncia passam pela condenação do tribunal de relação de Guimarães a José Faria, presidente eleito, de ter desviado dinheiro da Farmácia Medeiros para proveito próprio, acabando por ser despedido da Crédito Agrícola, onde trabalhava e através da qual efetuou os desvios.

Ao V, João Soares não quis declarar a origem que levou a este desfecho. “Vocês estão fartos de saber ao que me refiro, toda a gente está”, indicou o elemento recentemente eleito e agora demissionário. “Mas posso garantir que fui ao tribunal de trabalho antes desta reunião e pedi uma cópia do processo que dá trânsito em julgado e que declara José Faria como culpado daquilo que foi acusado”, acrescenta João Soares, indicando que “posteriormente pode tudo ser consultado em ata”.

“Não estou a fazer isto porque me disseram que isto ou aquilo, estou a fazê-lo porque fui informar-me junto das autoridades e constatei que era tudo verdade”, finalizou João Soares.

O V tentou entrar em contacto com José Faria, mas este não atendeu os telefonemas.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade