Granadas semente
Braga Destaque Região

Ambiente. “Granadas de semente” para reflorestar montes de Braga

Realizou-se na terça-feira, na Escola EB 2, 3 de Gualtar, uma oficina de ´granadas de semente´ de uma planta autóctone (neste caso bolota de carvalho, sobreiro ou azinheira). A actividade resulta de um desafio lançado pelo Município de Braga a escolas e outras instituições no sentido de contribuir para a reflorestação do concelho.

Nesta oficina são moldadas pequenas bolas resultantes de uma mistura de sementes com argila, terra, água e nutrientes suficientes para as árvores começarem a crescer. Depois de devidamente moldadas e secas, estas ´granadas de semente´ serão atiradas para os locais a reflorestar no concelho, aumentando a probabilidade de virem a crescer árvores folhosas nesses terrenos.

Após serem atiradas para os solos, as sementes germinam e as árvores iniciam o seu processo de desenvolvimento, estando sempre protegidas pelas folhas das leguminosas, que, como têm ciclo de vida curto, vão acabar por morrer, decompondo-se e dando alimento à nova árvore que se está a formar.

Nesta acção estão envolvidas 16 entidades (Escolas, IPSS`s e associações), no total de mais de mil pessoas, às quais se junta a Quinta Pedagógica de Braga. O objectivo é concretizar o lançamento de milhares de ´granadas´ nos terrenos afectados pelos incêndios. No final do mês, 25 de Novembro, será feita uma actividade em que também a população em geral será desafiada a associar-se ao lançamento destas ´granadas de semente´.

Na ocasião realizou-se também a cerimónia de hastear da Bandeira Verde naquele estabelecimento de ensino. Estas atividades inserem-se nos “Global Action Days”, uma iniciativa internacional que se realiza de 6 a 12 deste mês com o objectivo de dar a conhecer o trabalho desenvolvido pelas Eco-Escolas em prol do ambiente.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade

Publicidade