regatos
Braga Destaque

Incêndios. Ricardo Rio à espera de 150 mil euros de António Costa

O Município de Braga já começa a mexer em relação ao plano de recuperação da área ardida nos dois grandes incêndios de 15 de outubro, e já apurou que serão necessários 150 mil euros para pôr em prática um plano de limpeza e recuperação das linhas de água, avançou o vereador do Ambiente, Altino Bessa.

Ao Semanário V, o vereador indicou que o Município, liderado por Ricardo Rio, já referenciou a área ardida. “São cerca de 1000 hectares nas zonas de Sameiro, Falperra e Bom Jesus e mais 200 hectares na zona de Santa Lucrécia”, revela Altino Bessa, explicando que “já estão referenciadas as linhas de água afetadas pelos incêndios que precisam de reconstrução e limpeza”.

Segundo o vereador, o Município está agora à espera do Governo para o financiamento através da Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

“Estamos a preparar tudo para quando sair o aviso do governo sobre o financiamento de 15 milhões de euros para a parte ambiental e para efeitos de combate à erosão e à arborização”, alude, explicando que “é necessário reparar pequenas ribeiras e valas por onde a água era escorrida para evitar possíveis derrocadas ou cedências dos terrenos”.

“Em relação ao programa em concreto da recuperação das linhas de água, já fizemos a identificação e o orçamento rondará os 150 mil euros”, vincou Altino Bessa.

Nos grandes incêndios de 15 de outubro arderam mais de 1200 hectares no concelho de Braga, primeiro na zona este, em Santa Lucrécia, Este São Mamede e Crespos, depois na Morreira, que alastrou para toda a zona florestal e até urbana das encostas da Falperra.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade