SONY DSC
SONY DSC
Amares

Ambiente. Hortas pedagógicas renascem nos centros escolares de Amares

Alguns dos centros escolares de Amares acabam de reativar, com novos produtos, as hortas pedagógicas, numa aposta contínua de educação para a saúde e promoção de hábitos alimentares saudáveis. Depois de colhidos no seu pico de frescura, os alimentos são diretamente confecionados nas cozinhas dos centros escolares, proporcionando aos alunos a ingestão de produtos cultivados de forma biológica.

“Continuamos a ter uma grande preocupação com a promoção de uma alimentação saudável e, por esse motivo, mantemos este trabalho de articulação a apoio aos centros escolares para que deem continuidade às hortas escolares, incentivando juntos dos mais novos práticas que estimulem o interesse pela própria natureza e a adoção de hábitos estilos de vida saudáveis”, refere a vereadora da Educação e Saúde do Município de Amares, Cidália Abreu.

“Temos noção que sobretudo os mais novos têm alguma dificuldade no que diz respeito à ingestão de frutas e hortícolas pretendemos contrariar essa tendência, permitindo de uma forma lúdica, e simultaneamente pedagógica, o acompanhamento de todo o processo desde a plantação, passando pelo crescimento, até à colheita desses produtos”, acrescenta a vereadora, deixando uma palavra de apreço a todos os professores/colaboradores e crianças pelo “carinho e dedicação” com que têm abraçado este e outros projetos de educação para a saúde.

Pés de penca, couve coração, alho francês e brócolos, sementes de fava, nabiça, entre outros, foram alguns dos produtos plantados/semeados e que vão continuar a motivar a participação ativa dos alunos e professores na manutenção das hortas, através da rega e limpeza das mesmas, de modo a promover o crescimento sustentável dos alimentos. O Município de Amares, por sua vez, mantém todo o apoio necessário à sua continuidade.

Note-se que, esta iniciativa representa uma das medidas de acompanhamento do Regime de Frutas e Hortícolas eleita pelos próprios centros escolares. Noutros centros escolares, a promoção do consumo de hortofrutícolas é feita através de workshops, histórias e poemas alusivos à temática, entre outras atividades.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade