Hospital Braga
Braga Destaque

Política. Bloco de Esquerda manifesta-se “preocupado” com o Hospital de Braga

O Bloco de Esquerda fez várias questões ao Ministério da Saúde e ao Governo pela ausência de informação sobre quem são as direções clínicas de cinco especialidades do Hospital de Braga, avança o partido em comunicado.

“O facto destas cinco especialidades médicas [ cirurgia maxilo-facial, doenças infecciosas, genética médica, imunoalergologia e reumatologia,] não disporem de direção clínica atribuída não é novo. De facto, já em 2013 o Bloco de Esquerda questionou o Governo sobre este assunto. À época, eram seis as especialidades sem direção clínica, sendo que todas se mantêm na mesma situação exceto Nefrologia”, dizem os bloquistas, referindo ainda que “esta é uma situação difícil de compreender”.

“Ou o Hospital de Braga não disponibiliza serviços nestas especialidades e portanto a indicação de que as têm é falaciosa, ou estas especialidades existem de facto, e, assim sendo, não se compreende que não tenham direção clínica”, referem os bloquistas.

Segundo Pedro Soares, deputado, “importa saber se o contrato de gestão do Hospital de Braga preconiza a existência destas especialidades, que medidas foram tomadas pelo gestor do contrato perante esta ausência de direção clínica bem como o número de consultas e intervenções realizadas no âmbito destas especialidades”.

O deputado bloquista alertou ainda o Ministro da Saúde para um possível regresso do Hospital de Braga à esfera pública de forma integral, devido ao final de contrato de PPP com o Grupo José Mello Saúde.

“O racional da estratégia do Grupo Mello relega para segundo plano as necessidades de saúde da população”, refere destacando o “aumento dos tempos de espera para consultas e cirurgias, maior número de encaminhamento de doentes para outras unidades de saúde, a alteração de medicação, meios complementares de diagnostico realizados em entidades externas”.

“A população de Braga exige que haja uma resposta clara sobre as razões que levam a manter a PPP no Hospital de Braga”, refere ainda Pedro Soares.

Print Friendly

Comentários

Siga-nos!

RSS
Follow by Email
Facebook
YouTube

Última edição

Já nas bancas!

Publicidade